Thiago Pethit

 Foto: Rafael Barion

Foto: Rafael Barion

 
informacoesartistas-06.png

Com três discos e um EP lançados, além de vários shows pelo Brasil, Thiago Pethit se destaca em diversas plataformas artísticas. Além da música, também transita pelo cinema e pela moda e, através do seu conteúdo musical e imagético, transmite legitimidade ao longo da sua carreira.

Em 2008, lançou o EP “Em Outro Lugar” e, no mesmo ano, fez abertura de shows de Bonnie Prince Billy (Will Oldham), Jens Lekman e Beirut. Dois anos depois, “Berlim, Texas”, seu disco de estreia, produzido por Yury Kalil, rendeu o prêmio Aposta MTV no VMB.

Pethit foi o primeiro brasileiro a participar da plataforma La Blogotheque, de Vincent Moon, em 2011. Lançou “Estrela Decadente”, seu segundo álbum, em 2012, com a produção de Kassin. A turnê final do disco foi iniciada por uma série de cinco shows em Paris, no Jardin D’Acclimatation, do grupo Louis Vuitton Moët Hennessy.

No ano seguinte, uniu-se ao diretor de cinema Heitor Dhalia na produção do clipe curta metragem para a canção Moon, que rendeu muitas críticas positivas e catapultou a carreira de Pethit.

Em 2014, ele lançou o terceiro álbum, ”Rock ‘n’ Roll Sugar Darling”, que traz a participação especial de Joe Dallesandro, ator fetiche de Andy Warhol, personagem da música "Walk  on the Wild Side”, de Lou Reed, capa do disco Sticky Fingers, dos Rolling Stones e estrela da campanha da Saint Laurent de 2014. O disco ganhou dois clipes, como Romeo e 1992, ambos filmados em Los Angeles.

E em maio de 2016, estrelou como o protagonista Diego no primeiro-longa metragem dirigido por Vera Egito, Amores Urbanos. O filme é uma comédia dramática que narra a história de três amigos que vivem no mesmo prédio na capital paulista. Jovens anti-heróis, eles superam suas desventuras amorosas e profissionais com humor e personalidade. Thiago também contribuiu com duas músicas (Save The Last Dance e Romeo) na trilha sonora do longa.

Em 2018, o público do artista terá novidades!